The Shaky planeja abrir 20 novos pontos e busca investidores na Grande São Paulo

Publicado em 14/05/2018 por Imprensa

Negócio de milk shake que foi criado em 2015 conta 12 unidades abertas

Criada em 2015 em Lins, no interior de São Paulo, a The Shaky, negócio que permite aos clientes montar seu próprio milk shake, busca investidores na Grande São Paulo. Com 11 unidades pelo Brasil e uma na capital do Paraguai, a franquia planeja abrir seu primeiro estabelecimento na região metropolitana paulista, além de 19 pontos pelo Brasil.

“Nosso objetivo é inaugurar a primeira unidade da The Shaky na capital ou região metropolitana de São Paulo. O modelo de negócio apesar de ser de bebidas de sorvete batido e ser um sucesso no verão também faz fama no inverno. Possuímos um portfólio de produtos que atende todas as demandas dos consumidores”, conta Camila Felix, sócia fundadora da franquia de milk shake.

Com mais de 100 combinações, o negócio comercializa bebidas feitas com sorvetes batidos com ticket médio de R$ 15. As opções mais pedidas entre os frequentadores são os milk shakes com combinações de chocolate com avelã com leite em pó e chocolate com flocos crocantes e wafer.

Segundo dados da ABF (Associação Brasileira de Franchising) o segmento de alimentação cresceu 6% em 2017. Ainda de acordo com a associação, o franchising faturou R$ 163 bilhões.

“O mercado de alimentação é sempre aquecido tanto para alimentação fora do lar, dentro do lar e também para os doces. As pessoas sempre param para comprar uma casquinha ou tomar um milk shake. O nosso ticket médio contribui para a busca por este consumo”, diz Vitor Rodrigues, sócio fundador da The Shaky.

Para ser um franqueado da rede é necessário investir a partir de R$ 150 mil. O valor já inclui taxa de franquia e adequação de espaço.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquia , Expansão de franquias , Franquias de sorveterias , Plano de expansão , Crescimento da franquia , The Shaky