Não venda um produto. Venda uma transformação

Publicado em 24/08/2016 por Imprensa

Por Juliana Albanez, Personal & Professional Coach, palestrante e jornalista. Especialista em Comportamento, Liderança Feminina, Gestão Pública e Comunicação

“O que devo fazer para vender mais?”. Esta é a pergunta que mais ouço quando falo sobre vendas nas empresas. E minha resposta sempre é “Você realmente conhece e acredita no que vende?”. Parece bobo, mas não é.


É muito comum ver vendedores que se prendem a técnicas, que conhecem os melhores lançamentos literários do momento, mas perdem a venda por não conhecer a essência do porquê estão fazendo ou vendendo o que estão vendendo.


Vamos analisar. Pense em seu dia a dia, naquele vendedor que você gosta de se relacionar, conversar e até comprar. Esses anônimos sabem exatamente o que vendem e, mais do que isso, sabem porque vendem. E isso se traduz no entusiasmo, na forma de se comunicar e, consequentemente, em resultados.


Porém, poucos vendedores usam essa comunicação, que vem de dentro para fora, a seu favor. Nosso gatilho é a comunicação baseada na impessoalidade e, por isso, oportunidades são perdidas a todo o momento. Cada vez que alguém lhe pergunta o que você faz ou o que você vende e você não consegue ver o que é capaz de transformar ao seu redor, você não viu seu porquê. E isso cabe em qualquer circunstância, em qualquer área. Porque em qualquer lugar ou função, você pode transformar.


Exemplos não faltam. Certa vez, em uma dessas revistas de avião, li que Steve Jobs (um grande vendedor), ao andar pela cidade nos anos oitenta, observou que todos os fones do antológico walkman eram da cor preta. A partir daí, ele pensou em transformar a mesmice do mundo da tecnologia, criar, conhecer e acreditar em produtos diferentes de tudo até então, e com foco também no design, algo esquecido na época. Ele chegou a seu porque, e o resto virou história.


Conseguimos visualizar isso não só em vendas ou no mundo corporativo, mas nos esportes, nas artes. Quantas equipes consteladas, recheada de estrelas, entram com tudo para vencer, (tecnicamente imbatíveis), mas não tinham esse porque tão cristalino? Ou na política, por que em nosso cenário político os discursos não entusiasmam? Onde está a transformação?


Quando você realmente acredita no que faz e no que vende, descobre o porquê atrai pessoas que também acreditam na transformação que você promove. Existem vendedores e existem pessoas que se relacionam, acreditam e nos inspiram. Seja você uma delas.


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias , Sucesso de vendas , Gestão de franquias