Blue Sol inaugura 3ª franquia de energia solar no Rio de Janeiro

Publicado em 04/12/2019 por Imprensa

Rede comemora a estreia da marca na cidade de Campos dos Goytacazes e projeta chegar a 15 operações no estado

A rede Blue Sol Energia Solar está em plena ascensão! A empresa anuncia, agora, a abertura da sua 23ª unidade franqueada. A partir do mês de dezembro, a franquia inicia operações em Campos dos Goytacazes, um dos mais importantes municípios do Rio de Janeiro, totalizando a 3ª franquia no estado. O investimento foi de aproximadamente R$ 200 mil e a expectativa é ter o retorno do investimento dentro do período de 24 meses.

O cenário promissor tem atraído cada vez mais empresários interessados em ajudar no desenvolvimento e perpetuação do mercado de energia solar. É o caso dos sócios Marcio Campos Cavalher Machado, que fez carreira no setor varejista, e Manoel Nilton da Costa Filho, profissional com mais de 30 anos de atuação nos setores de TI e Telecom. Há aproximadamente três anos, a dupla está à frente de uma franquia Blue Sol Energia Solar e agora decidiram investir em uma segunda unidade no Rio de Janeiro.

Machado acredita não só na inovação que a tecnologia e os sistemas fotovoltaicos proporcionam, mas na forte tendência de crescimento desse mercado no Brasil e em todo o mundo. Costa, por sua vez, sempre teve o desejo de trabalhar no mercado de energias renováveis. Ambos uniram suas vontades e competências a fim de levar as vantagens da produção da própria energia ao maior número possível de pessoas. Com isso, além de proporcionar uma importante economia na conta de luz, aqueles que optam por instalar sistemas fotovoltaicos também podem contribuir com a preservação do meio ambiente, além de tornar reais outros sonhos e investimentos pessoais e de suas famílias.

Os franqueados contam que a experiência adquirida com a gestão da primeira franquia Blue Sol e a satisfação com o modelo de negócio, fez com que ambos planejassem a abertura de uma segunda unidade da rede de energia solar. Com a nova franquia em Campos dos Goytacazes, os sócios pretendem aumentar sua cobertura geográfica para levar os sistemas fotovoltaicos ao comércio em geral e às residências com alto consumo de energia.

“Há muitas oportunidades de crescimento com a energia solar. O setor alcançou, oficialmente neste ano, a marca de 1 GWp em geração distribuída e sabemos que vamos atingir números ainda mais expressivos em breve. Acredito muito na energia limpa e nos produtos que estarão disponíveis à população seguindo essa tendência de sustentabilidade, como o carro elétrico e carregadores diversos. Tudo isso está inserido no contexto do nosso negócio”, analisa Machado.

Costa compartilha da opinião do sócio e complementa: “Esse é um setor com demanda reprimida e que irá crescer ainda mais com o retorno dos investimentos no país. A energia solar tem um grande potencial por ser fonte renovável. No Brasil, a capacidade de geração de energia solar é absurda e pode atingir marcas impressionantes. Outros países já estão ganhando sem ter o nosso potencial, então imagine do que seremos capazes por aqui”, avalia.

Os sócios estão otimistas com a performance da nova unidade Blue Sol Energia Solar em Campos dos Goytacazes e já traçam planos para abrir uma terceira franquia da marca no Rio de Janeiro em 2020. “Estamos em uma rede que é pioneira neste mercado, consolidada e engajada em ações para o crescimento do setor. Nada faz mais sentido do que seguir crescendo junto com a marca. Essa é a nossa meta”, afirmam.  

Expansão da rede

Com a nova franquia em Campos dos Goytacazes, a Blue Sol Energia Solar chega à 23ª unidade da marca em operação. A meta da rede é fechar 2019 com pelo menos 40 franquias entre abertas e contratadas em todo o país.

De acordo com Rafael Cafolla, gestor de franquias da Blue Sol Energia Solar, essa é a 3ª operação da marca no Rio de Janeiro, estado onde a franqueadora planeja chegar a 15 unidades até o ano de 2022. Na mira do time de expansão da empresa estão cidades como Petrópolis e Teresópolis. O executivo conta que há uma demanda crescente, no estado do Rio de Janeiro, por tecnologias que permitam a geração da própria energia. “Essa busca é impulsionada pelo custo da energia elétrica na região, considerada uma das mais caras do Brasil. Diante desse cenário, aumenta nosso interesse em crescer na região e atender o consumidor dos municípios do interior”, avalia.

Segundo Cafolla, a franqueadora cuida da elaboração dos projetos, fornecimento dos equipamentos, logística e conexão dos sistemas fotovoltaicos com as distribuidoras de energia elétrica, enquanto a franquia faz a frente comercial, as visitas técnicas e a instalação dos sistemas. Por isso, a marca vem selecionando como franqueados, candidatos que possuam experiência na área comercial, vivência anterior como empresário, diretor ou gerente, habilidade para gestão de pessoas e disponibilidade para gestão da franquia em tempo integral. “Temos 10 anos de know-how no mercado de energia solar e somos a empresa com o maior número de sistemas comercializados em geração distribuída do Brasil. Nossa estrutura está bem preparada para levar os sistemas fotovoltaicos a todo o país”, explica o executivo.

Outra meta da Blue Sol Energia Solar é alcançar a marca de 150 franquias em todo o país até 2025, com pelo menos uma unidade em cada estado da federação e mais 50 unidades na América Latina. Para abrir uma unidade da marca é necessário fazer um investimento que varia de R$100 mil a R$ 239 mil. O retorno do investimento se dá em, no máximo, 24 meses.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de serviços , Blue Sol Energia Solar