Franquias criam atrativos para fidelização de cliente

Publicado em 13/09/2018 por Imprensa

Descolado do momento econômico do País como um todo, o setor de franchising voltou a registrar crescimento no segundo trimestre deste ano. Segundo levantamento da Associação Brasileira de Franchising (ABF), o mercado de franquias faturou R$ 40,7 bilhões entre os meses de abril a junho de 2018. O montante representa um avanço de 8,4% frente ao registrado no mesmo período do ano passado.

O segmento de alimentação sempre foi pilar da economia nacional e, dentro deste segmento,  surgem nichos específicos como os Finger Foods

Para se destacar na área, há necessidade da criação de diferenciais competitivos. “A concorrência hoje é direta, indireta, vertical, horizontal, transversal. O mercado é rapidamente saturado. Se sobressai quem se preocupa em criar diferenciais competitivos. Pode ser um atendimento de primeira, um produto exclusivo, um modelo de negócios diferente ou ainda vários modelos de negócios abaixo de uma marca só. As opções são diversas, mas se quer se tornar uma grande rede de franquias, é importante que seu negócio não caia na passividade de quem abre as portas e espera o cliente aparecer”, destaca Lucas Atanazio Vetorasso, estrategista e CEO do Grupo ATNZO.

Um exemplo de sucesso é a marca Fritos no Cone, que figura como uma das melhores opções para quem aprecia a comodidade de degustar as mais variadas refeições em sua própria casa, sem desperdiçar o seu precioso tempo e energia.

Coxinhas e Batatas. Além de serem alimentos bastante consumidos pelo brasileiro, trabalhar com um produto flexível, com certeza é uma das melhores vantagens em investir em uma franquia neste ramo. Como qualquer outro negócio, existem oportunidades e desafios para quem quer investir em uma franquia. O ideal é que uma franquia de batata seja localizada em espaços de grande circulação de pessoas, como shoppings, aeroportos, centros de convenções e lojas de rua em áreas estratégicas da cidade.

“Para isso, meu sucesso é baseado na simpatia do atendimento sem deixar de lado a rapidez e a higiene. Além de uma cozinha estruturada, a qualidade dos alimentos é garantida pela supervisão de uma nutricionista que consegue dar um insuperável sabor de comida caseira”, comenta Leonardo Evangelista, empreendedor da Fritos no Cone.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de alimentação , Franquias de fast-food , Fritos