Pizzaria pode ser opção mais barata para quem sair para comer

Publicado em 01/09/2016 por Imprensa

De acordo com a APUESP cresce o número de pedidos delivery durante a semana e aos sábados e domingos

Sair com amigos e família, visitar um restaurante novo e comer algo diferente, momentos simples e comuns, começam a pesar no bolso do brasileiro. Quais as melhores opções? Compartilhar pratos que satisfaça mais de uma pessoa? Um nome vem à cabeça dos paulistanos: Pizzaria.


A pizza se torna vantajosa para quem quer pedir algo para comer com a família ou amigos. “O consumo de pizza é crescente, pois é uma refeição que possui custo benefício melhor em comparação a outros pratos” diz Ricardo Vilibor, diretor da Associação. Uma pizza que custa em média 30 – 40 reais, pode ser compartilhada entre 3 ou 4 pessoas, já um sanduíche, por exemplo, que custa em média 20 – 30 reais só é consumido por uma pessoa”, continua. 


Pizzaria X Restaurantes 


Para uma família de quatro pessoas ( pai, mãe e dois filhos) os gastos em uma hamburgueria, por exemplo, podem chegar até R$ 170,00 – dependendo da região e do estabelecimento. De acordo com a APUESP, em média quatro pessoas que saiam para jantar em uma pizzaria, pode sair em média R$ 90,00 no total da conta, ou seja, 22,50 por pessoa.


Delivery Cresce na Capital


De acordo com a Associação Pizzarias Unidas, os pedidos delivery ganham força neste momento de crise econômica. “Atualmente 80% das pizzarias oferecem a opção delivery, o que é mais prático para o cliente e ele não gasta muito”, diz Ricardo Vilibor, diretor da Associação.


Segundo dados da APUESP, todos os dias são consumidos 1 milhão de pizzas no Brasil, sendo 572 mil no estado de São Paulo. O setor movimenta em média 22 bi ao ano e gera mais de 360 mil postos de trabalho, nos 36 mil estabelecimentos espalhados pelo país.


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias , Franquias de pizzarias , Pesquisas , Economia e Mercado