Água Doce Sabores do Brasil cresce 10% em 2019 e mira expansão dos três modelos de negócios

Publicado em 28/01/2020 por Imprensa

São esperadas, ao menos, mais 11 novas operações em 2020

A Água Doce Sabores do Brasil, rede de franquias de alimentação que atende mais de 350 mil pessoas por mês, fechou 2019 com 80 unidades em operação, sendo cinco delas implantadas no ano passado. Além disso, a rede registrou um aumento de 10% no faturamento, acima dos 6,9% do segmento de franquias do Brasil, segundo balanço prévio divulgado recentemente pela ABF (Associação Brasileira de Franchising). Para continuar ampliando a atuação e o aumento do faturamento da rede no Brasil, a franqueadora disponibiliza como opção de investimento três modelos de negócios: Água Doce Sabores do Brasil, formato master; Água Doce Express, formato enxuto e com foco em alimentação rápida; e o Rei do Escondidinho, quiosque inspirado no prato que é referência e carro-chefe nas unidades da Água Doce: o Escondidinho.

Em 2018, a rede apresentou ao mercado um modelo de negócio enxuto, chamado Água Doce Express. Com quatro unidades em operação, localizadas em Barueri, Tupã, Bauru e São Paulo capital (Santana), todas no estado de São Paulo, o formato explora o conceito de alimentação rápida em porções individuais. A operação traz opções adaptadas do cardápio original da rede, sem perder o sabor autêntico da culinária brasileira. Além disso, esta é uma alternativa aos que desejam abrir uma unidade da marca com um investimento menor, a partir de R$ 268 mil.

"O plano de expansão para este ano visa a inauguração de, ao menos, 11 novas unidades, sendo que cinco dessas serão no modelo mais enxuto, o Express. O foco de abertura é nacional, mas temos como meta ingressar em cidades ou regiões estratégicas que ainda não contam com unidades da rede, como o estado do Rio de Janeiro. A região Nordeste, por exemplo, apresenta grande potencial econômico. Além disso, também há interesse em implantar restaurantes nas capitais dos estados que compõem as regiões Sul e Sudeste, onde a marca já tem reconhecimento do público", explica o diretor de franquias, Julio Bertolucci.

Já as unidades da Água Doce Sabores do Brasil são para franqueados que desejam investir em uma operação maior, com ponto na rua, e que tem afinidade tanto para implantação em capitais e grandes centros, quanto em cidades menores do interior, que hoje concentram grande parte dos restaurantes da marca. Neste modelo de negócio, os clientes contam com um cardápio robusto de acento tropeiro, sendo destino para famílias e grupos de amigos que buscam fazer de almoços, jantares, happy hours e confraternizações variadas um momento especial de entretenimento. Além do extenso menu de cachaças e drinques, a casa é reconhecida pelo melhor Escondidinho do País, presente nas versões tradicional (carne de sol), camarão, frango e bacalhau. Explorando o conceito rústico, os restaurantes proporcionam espaço aconchegante aos clientes, com música ao vivo e espaço kids, mais conhecido como Doce Cantinho. O investimento para abrir uma unidade neste formato gira em torno de R$ 460 mil.

Outra opção da rede que promete arrebatar o coração dos clientes cativos é a marca Rei do Escondidinho. Vislumbrando uma nova oportunidade no mercado, foram feitos alguns estudos para lançar este modelo de negócio, no formato de quiosque, para ser implantado também em shopping centers, centros comerciais, supermercados e outros pontos com grande circulação de pessoas. O grande diferencial é que as lojas irão oferecer além das tradicionais opções salgadas, irresistíveis combinações doces do prato. Para abrir uma franquia da marca, o investimento inicial é de, aproximadamente, R$ 168,5 mil.

"Estamos apostando em questões relacionadas à inovação e tecnologia, explorando o conceito de cozinha 3.0, modernizada e com equipamentos de última geração para o preparo mais rápido dos pratos. Também investimos na implantação de realidade aumentada nos cardápios da rede, que auxiliam de forma efetiva no aumento das vendas e na fidelização da marca. Ao longo do ano, promovemos ações diferenciadas em todas as unidades, como eventos e promoções que nos aproximam cada vez mais do consumidor. Tais fatores contribuem de forma direta no desenvolvimento e crescimento da rede como um todo. Diante disso, projetamos um incremento de 15% no faturamento de 2020", finaliza o diretor de franquias, Julio Bertolucci.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Água Doce , Franquias de restaurantes