Aprenda a engajar os seus clientes

Publicado em 19/09/2016 por Imprensa

Por Fred Abrahão, CEO da Direito de Ouvir

As novas tecnologias estreitaram o relacionamento entre as empresas e seus clientes, mas, ao mesmo tempo, trouxeram um desafio: engajar seus consumidores. Essa mudança de comportamento está inserida dentro da lógica do Marketing 3.0, que vem conquistando cada vez mais espaço entre empresas e consumidores.


As pessoas desejam muito mais do que apenas receber ofertas - elas querem ser ouvidas pelas companhias, querem que elas conquistem sua confiança, querem se sentir integradas a elas. Ou seja, o que elas buscam são empresas com as quais elas se identifiquem


Por isso, é imprescindível que, além de um bom produto, o seu empreendimento crie valor e consiga tocar os consumidores de maneira verdadeira. Dessa forma, a satisfação das pessoas será garantida e o engajamento será natural.


Não se esqueça de criar oportunidades para que isso aconteça. Desenvolva mecanismos interessantes que consigam gerar comentários e compartilhamentos, tanto na internet quanto fora dela. Busque se diferenciar, seja na embalagem, seja em recados manuscritos em formas de bilhete aos clientes no aniversário deles. Desenvolva ideias inovadoras e as coloque em prática!


Para te auxiliar nesse processo, nós preparamos algumas dicas para que você consiga engajar seu cliente:


Estimule a interação – Construir uma comunidade interativa online ajuda os consumidores a trocarem experiências e, indiretamente, fortalece sua relação com a marca.


Transmita informação relevante – Faça um seminário na internet. Esta é uma excelente ferramenta para convidar os clientes a interagir com a empresa. Elas podem alcançar um grande número de pessoas por um custo razoável. Se a comunicação for relevante para o consumidor, melhor ainda. Uma dica é usar o Twitter para o envio de perguntas após um webinar.


Desenvolva uma ação colaborativa – Você pode convocar seus clientes para participar de algum projeto. Sugestões e vídeos são dois exemplos de ações colaborativas que ajudam na criação de um vínculo entre ele e a marca. Outra vantagem é que a empresa também pode ganhar com as propostas de melhoria de quem realmente conhece o produto.


Comemore as conquistas – Quando atingir suas metas nas redes sociais, por exemplo, compartilhe a informação e comemore com seus consumidores para que eles possam se sentir parte de uma comunidade. Para que se sintam envolvidos e se identifiquem ainda mais com a sua marca.


Facilite a comunicação – Diversos canais de contato, como blogs igual o da Direito de Ouvir e redes sociais, facilitam a interação do seu consumidor com a empresa. A ideia é sempre planejar o conteúdo para que ele tenha relevância e favoreça o contato do seu cliente. Mas também é preciso estar preparado para atender demandas que envolvam reclamações e descontentamentos.


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias, Franquias de saúde , Direito de Ouvir