Acesso Saúde investe R$ 3 milhões em seis novas unidades em SP

Publicado em 12/09/2016 por Imprensa

Sistema de saúde particular vai inaugurar clínicas na região do ABC, no interior de São Paulo e na capital paulista

Crescendo na contramão da crise, a Acesso Saúde - sistema de saúde particular sem mensalidade, que oferece atendimento médico e exames por meio de sua rede de clínicas, para a população que não conta com plano de saúde – vai inaugurar seis unidades no Estado de São Paulo até novembro. O investimento da ordem de R$ 3 milhões contempla o lançamento de clínicas na região do ABC, no interior de São Paulo e na capital paulista. A empresa que movimentou R$ 15 milhões em 2015, prevê encerrar este ano com faturamento de R$ 20 milhões. As cidades de Mogi das Cruzes, Mauá, São Bernardo, Parapuã e São Paulo receberão clínicas da marca.


A queda de beneficiários dos planos de saúde, que perderam 910 mil clientes no primeiro semestre, de acordo com dados da ​Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), tem contribuído para o crescimento da empresa. “Muitas pessoas ficaram desempregadas e perderam seus planos, enquanto outras deixaram de pagar a mensalidade, por falta de condições financeiras e pela alta dos preços”, comenta Antônio Carlos Brasil, fundador da Acesso Saúde. A ANS autorizou recentemente um ajuste de até 13,57% nos preços cobrados pelas empresas do setor.


Com consultas em mais de 30 especialidades, a partir de R$ 73, além de mais de 1.200 tipos de exames, com valores até 50% menores que os cobrados pelo mercado, a Acesso Saúde atende a demanda de uma população que não pode arcar com os custos dos planos de saúde, mas que também não quer esperar pelo atendimento do sistema público. A rede atende mais de 20 mil clientes mensalmente em suas unidades espalhadas pelo País.


A tecnologia é uma das apostas da empresa, que utiliza um sistema exclusivo, no qual disponibiliza informações sobre o histórico médico de cada paciente para todas as unidades. “Esse é um dos principais diferenciais da Acesso Saúde, pois nossos clientes podem se consultar em qualquer uma das nossas clínicas, no País”, explica Brasil. Com uma identificação, que se assemelha a carteirinha de um plano de saúde, os clientes têm a oportunidade de serem atendidos em uma das unidades da empresa. A rede prevê encerrar o ano com 30 unidades e chegar a 50 clínicas em 2017.


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias, Franquias de saúde , Acesso Saúde