Impulsionada pelo mercado digital, Programa Afiliado é opção de negócio para brasileiros

Publicado em 23/07/2019 por Imprensa

Sistema consiste em divulgar produtos pela internet e gerar comissão pelo que for vendido

A internet e sua capacidade de gerar mudanças significativas na vida pessoal e profissional das pessoas...  Muitas evoluções vêm acontecendo a partir disso, inclusive, gerando mudanças no formato tradicional de trabalho dos brasileiros.  Hoje muita gente sobrevive da internet e a cada dia surgem novas maneiras de ganhar dinheiro. O “Programa de Afiliados” é um deles. E chama atenção não apenas em interessados por trabalhar dessa forma, mas também em empresas que encontram assim uma oportunidade de prospectar suas vendas.

Antes de tudo, o Programa de Afiliados é uma estratégia de marketing que consiste na divulgação de produtos ou serviços de terceiros. O trabalho do afiliado fundamenta-se em anunciar as soluções através das redes sociais, e ser remunerado sempre que uma venda acontecer a partir do link divulgado por ele.

Uma pessoa ao se tornar afiliado recebe um link exclusivo que direciona o internauta para a compra. E quanto mais divulgação houver, mais chances de garantir uma boa renda. Por isso, muitos afiliados divulgam esses links nos principais canais de comunicação, como o Whatsapp, por exemplo. Mas claro, cada um faz sua estratégia da forma em que julga gerar mais resultados. 

Garantia de renda

O programa é muito atrativo porque possibilita as pessoas a trabalharem exclusivamente com isso, e permite também, ser uma alternativa de segunda fonte de renda. “Como uma receita recorrente ou receita passiva sem ter o compromisso de trabalhar arduamente, o afiliado escolhe quanto tempo e energia deseja gastar e o resultado é equivalente. Quanto mais energia, melhor o resultado”, aborda Marcelo Salomão, diretor executivo da Gigatron Franchising (franquias especializada em software de gestão).

Este ano, o empresário resolveu aderir ao sistema como uma estratégia para capilarizar mais o mercado. Ele explica que apesar de estar em todos os estados brasileiros, estão em apenas 8% das cidades, e com o programa a meta é de atingir pelo menos 25% das cidades brasileiras em dois anos.

Marcelo apostou no Programa Afiliado como forma de aumentar a venda de seus produtos (softwares) que tem como foco o mercado PME. Ao todo são sete soluções no programa. O afiliado escolhe se quer trabalhar com uma ferramenta ou mais, e ganha uma comissão de 5% a 40% nas conversões do cliente. “Cada ferramenta possui custos de ingresso e taxas sofrem variações”, explica.

Programa Afiliado 1

Possibilidades de trabalho

O afiliado da Gigatron é caracterizado de duas formas: Embaixador ou Consultor. Neste primeiro, ele atua apenas com a venda do produto e recebe uma quantia de 5% a 20% sobre as vendas. Já o segundo, além da venda, oferece ainda treinamento, suporte e atendimento ao cliente; e seus ganhos variam de 20% a 40%. “Suporte e atendimento é fundamental em momentos onde o cliente precisa treinar novos funcionários ou resolver problemas pontuais, principalmente de infraestrutura quando o software deixa de operar por algum motivo, seja impressora, computador, celular, internet”, fala Marcelo.

Como todo modelo de negócio, esse exige um investimento, porém bem inferior aos exigidos no mercado. No caso da empresa de tecnologia, para cada produto é cobrado um start fee de um salário mínimo e uma taxa administrativa que pode variar de 10% a 40% do salário mínimo mensal.

“O afiliado tem sido tradicionalmente usado em um contexto online, mas, sem dúvida, existia muito antes da World Wide Web. Foi criado em 1989 e utilizado até mesmo no mundo ‘off-line’. Contudo, impulsionada e potencializada após a popularização da internet. Sem dúvida, soma-se aos envolvidos, uma parceria promissora e rentável. Enquanto nós (empresários) conseguimos mais capilaridade e penetração de mercado, os afiliados veem retorno financeiro sobre seu esforço de trabalho”, conclui Salomão.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de serviços , Gigatron , Franquia de Software e serviços