Comida caseira na caixinha: aposta certa para quem quer investir no setor de alimentação

Publicado em 04/03/2016 por Imprensa

A Mineiro Delivery oferece aos brasileiros praticidade, economia e qualidade através do delivery de comida tipo mexido mineiro no box.

Se alimentar fora de casa está saindo cada vez mais caro para os brasileiros. Principalmente em época de recessão econômica, ter que se deslocar até o restaurante, enfrentar o trânsito, pagar estacionamento, bebida, taxa de serviço, entre outros fatores, pesa no orçamento. Se o objetivo for apenas almoçar em um dia comum de trabalho então, optar por “comer qualquer coisa” passa a ser a saída encontrada pela maioria das pessoas para economizar tempo e dinheiro, embora não seja nem um pouco saudável. O reflexo deste cenário para os restaurantes tem sido mesas vazias e pedidos menores. Mas isso não é motivo de desânimo para quem deseja investir no setor alimentício.


O caminho para empreendedores passa a ser apostar no sistema delivery, que oferece praticidade e economia. O mercado vem crescendo e segundo estimativa da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), deve movimentar R$ 9 bilhões em 2015, totalizando um aumento de R$ 1 bilhão em relação à 2014.


Criada em 2012, a Mineiro Delivery, que oferece delivery de comida brasileira com jeito caseiro, toque mineiro e entregue no box, conta atualmente com 15 unidades espalhadas pelo país e está em busca de novos franqueados. A expectativa é atingir 60 franquias até o final do ano.


Além da comodidade oferecida ao cliente que recebe sua refeição onde estiver, o modelo inovador de servir na caixinha, garante frescor, sabor e preserva a qualidade e temperatura dos alimentos, já que em geral esta é a grande queixa dos consumidores ao optarem pelo sistema delivery.


“Nossos pratos têm jeito e gosto de comida caseira, com toque e temperos tipicamente mineiros, o que os torna extremamente deliciosos”, explica um dos sócios da Mineiro Delivery, Dhionatan Paulino. São mais de 20 opções de pratos que custam a partir de R$ 9,90. Os pedidos podem ser feitos por telefone.


O fato da comida também poder ser entregue no box, o que antes acontecida somente com a oriental, tem agradado bastante pessoas. Dhionatan conta que o sucesso é tanto que somente na unidade piloto, em São José do Rio Preto (SP), são comercializados em média 200 boxes por dia.


Em quatro meses, a Mineiro Delivery registrou um faturamento de mais de R$ 1 milhão e a expectativa é faturar mais R$ 4 milhões este ano.


A entrada no franchising
Em 2015, os sócios do Mineiro decidiram partir para o franchising. "Esperamos três anos, para que o negócio estivesse 100% consolidado, oferecendo assim aos futuros franqueados, uma possibilidade real de investimento seguro", afirma o sócio.


Ao iniciar o próprio negócio através do franchising, o empreendedor opta por investir em uma marca já reconhecida e testada, o que é mais seguro, além da transferência de todo know-how no negócio e suporte prestado pela franqueadora e economia com marketing, publicidade e fornecedores.


Pesquisas de mercado também mostram como é vantajoso investir em franquias:


- Segundo levantamento do SEBRAE, 27% das empresas que são abertas independentemente, quebram dentro de 2 anos. Já no setor de franquias esse número é reduzido para apenas 3%.
- De acordo com pesquisa da ABF (Associação Brasileira de Franchising), o franchising brasileiro registrou no ano passado um crescimento de 8,3%, atingindo R$ 139,593 bilhões. A receita do segmento de alimentação cresceu 8,9%. Para este ano, a Associação projeta para o setor como um todo um crescimento de 6% a 8% em faturamento.


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias , Franquias de alimentação , Brasileirinho Delivery , Franquias de delivery