Pujança econômica do interior do País atrai redes de franquias

Publicado em 28/04/2014 por mapadasfranquias | Ultima Atualização em 02/12/2014

O bom desempenho da economia do País registrado nas últimas décadas fez também surgir uma grande parcela de consumidores ávidos por novidades e por conhecimento. Se nas capitais o inchaço populacional beira ao esgotamento, no interior do Brasil ainda há muito espaço para se ocupar.


Em muitas regiões o aumento do poder de consumo do brasileiro está sendo puxado pela expansão do agronegócio, exploração de minérios e petróleo, e também pela migração das indústrias das grandes cidades em busca de novos mercados, também chamada de desindustrialização.


A previsão do senso do governo federal é que surgirão no país, até 2020, cerca de 11 milhões de novas pessoas nas classes A e B. Filão que as redes franquias podem se beneficiar.  Diversos grupos, de olho neste potencial, já estruturam seus projetos e planos de expansão.


O Grupo Multi, proprietário das unidades Wizard, Skill, Yázigi, Microlins, SOS Educação Profissional, People e Smartz (recém-adquirido pela britânica Pearson), já tem planos de um formato de mini franquias para atender as cidades que tenham entre 20 mil e 50 mil habitantes.

Segundo dados do IPC Target, o país conta com 1.053 municípios entre 20 mil e 50 mil habitantes, com aproximadamente 32 milhões de habitantes e com um consumo de 10,6% do mercado total brasileiro. Ou seja, há muito para ser explorado por redes que oferecem qualidade e serviços.


Já a rede de cafeterias Café do Ponto deverá intensificar ao longo de 2014 o seu processo de expansão por meio de franquias. A rede planeja abrir cinco novas lojas até abril, chegando a quase 100 unidades. O investimento inicial dos franqueados é de R$ 240 mil.


Outro exemplo são as cidades da região Nordeste do País que estão chamando a atenção das redes de franquias. Segundo um levantamento do Grupo BITTENCOURT sobre franquias na região, Salvador, Recife e Fortaleza estão entre as mais primeiras no ranking de distribuição de unidades franqueadas por cidade.


O Centro Brasileiro de Cursos (CEBRAC), rede de cursos profissionalizantes é um deles. Presente na região Nordeste em cidades como Messejana, Juazeiro do Norte e Petrolina, Aracaju, João Pessoa, o grupo prepara expansão para outras cidades, como Jequié (BA), Sobral (CE) e Caxias (MA). A previsão, segundo o grupo, é a de abrir entre 40 e 50 novas escolas no país.


A pujança da força do interior também atraiu a atenção da rede de franquias Cachaçaria Água Doce. Inaugurada no início da década de 90, em Tupã, cidade do interior paulista com aproximadamente 70 mil habitantes, a rede de alimentação com o foco na cachaça e na culinária mineira, tem 100 unidades no Brasil, sendo que 94% destas unidades estão no interior.


Clique aqui para receber mais informações: http://www.mapadasfranquias.com.br/registro/newsletter

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias, Franquias no interior, Wizard , Grupo Multi , Skill , Yazigi , Microlins , SOS Educação Profissional, People , Smartz