Referência na cidade, SUAV inaugura sua sexta unidade em Belo Horizonte

Publicado em 30/11/2018 por Imprensa

Nova unidade no bairro Savassi garante à rede reconhecimento e prestígio na capital mineira

Com cinco unidades espalhadas pela capital mineira, a SUAV é referência em estética e cuidados femininos em Belo Horizonte. A aceitação da franquia é tanta que a rede abrirá mais uma unidade na capital, no Savassi, bairro nobre do município.

Localizado na região centro-sul da capital, o Savassi está na lista dos locais mais desejados para se viver em Belo Horizonte. Popular pela quantidade de bares, restaurantes e atrações turísticas, o bairro possui alto desenvolvimento comercial e de serviços, tornando-o um forte ponto para os negócios.

Com cerca de 2,5 milhões de pessoas, a capital mineira é a principal economia do estado (seu PIB per capita é de R$34.910,13) e um dos maiores centros financeiros do Brasil, ocupando a quarta posição na economia brasileira. Belo Horizonte está entre os municípios com maior infraestrutura do Brasil e, localizada num eixo logístico servido por uma malha viária e ferroviária que liga a cidade aos principais centros e portos do país, a cidade é um centro propício às atividades de comércio e prestação de serviços.

“Ter uma boa reputação onde fundamos a marca, além de ser muito importante, é um termômetro para a continuidade das atividades. Nossas unidades na capital são muito conhecidas e conceituadas, fizemos nosso nome aqui”, diz Diogo Cordeiro de Oliveira, diretor executivo da rede.

Cenário positivo

Com tantas oportunidades para o desenvolvimento do negócio, o empresariado belo-horizontino está otimista para os próximos meses: o Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC) registrou alta no mês de outubro deste ano totalizando 99 pontos, muito próximo da zona de satisfação (100 pontos). O resultado está diretamente ligado às proximidades das compras de final de ano que têm dado muita esperança ao comércio mineiro. Por conta disso, 72% dos empresários entrevistados pelo Índice de Expectativa do Empresário do Comércio (IEEC) acreditam na melhora da economia brasileira, 75,5% estão otimistas com uma possível expansão do setor e 79,52% apostam que as vendas da própria loja irão crescer.

A situação também é positiva no mercado de franquias: Minas ocupa a terceira melhor posição em participação por estado (7,7%) e também em unidades (9,1%). Como um todo, o franchising faturou R$44,74 bilhões durante o terceiro trimestre deste ano com alta de 6,3% em comparação ao mesmo período do ano passado, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Seguindo o mesmo cenário, o segmento de Saúde, Beleza e Bem-Estar, ramo em que atua a SUAV, movimentou R$7,76 bilhões apenas no terceiro trimestre deste ano, apresentando 4,7% de variação em novas unidades franqueadas.

Retomada de um sonho

É por isso que a advogada Adriana de Lima Pereira Bessa decidiu investir em uma unidade da SUAV: o mercado franquias oferece as condições necessárias para quem quer dar início ao próprio empreendimento e colher bons frutos com o negócio. “Desde a adolescência gostava de pintar minhas próprias unhas e assistir tutoriais de maquiagem”, diz Adriana. “Mas quando chegou o momento de escolher uma profissão e prestar o vestibular, essa área não era tão viável, então optei pela minha outra paixão, o Direito. Decidi iniciar minha vida profissional como advogada para, posteriormente, apostar nesse mercado”.  A empresária acredita que, atualmente, este mercado está em ascensão: “Desconheço em meu ciclo de amizade uma mulher que não faça unha, sobrancelha ou que tenha vontade de realizar algum procedimento estético. Se não estou no maior, estou em um dos maiores centros consumidores de cuidados estéticos do país”, reforça.

Natural de Salvador (BA), Adriana foi morar em Belo Horizonte aos onze anos. Cursou a faculdade na Escola Superior Dom Hélder Câmara na capital. “Formei em 2014 e optei por prestar concurso público enquanto analisava se continuava advogando ou não. Foi quando retomei meu desejo de atuar na área da beleza. Mas para ingressar nesse ramo com meu próprio negócio precisava de um certo amadurecimento pessoal e profissional, além de capital de investimento”, conta. 

Com a aposentadoria do pai, Luiz Eduardo Pereira Bessa, ela seguiu com o sonho de empreender e no dia 1º de dezembro a unidade será inaugurada e oferecerá serviços de esmalteria, depilação e design de sobrancelhas. Luiz, hoje aposentado, será sócio do negócio. “Assim que meu pai se aposentou reacendemos esse projeto e, coincidentemente, fui como cliente a uma unidade SUAV. Gostei do atendimento e da qualidade do serviço. Não tenho dúvidas quanto ao retorno financeiro desse modelo de negócio. Meu maior desejo é crescer a ponto de conseguir abrir mais uma unidade da marca”. A expectativa é grande e a empresária espera faturar, em média, R$20 mil por mês a curto prazo (seis meses) e R$40 mil a longo prazo.

Faro para empreender

Apesar de ser o primeiro empreendimento próprio tanto de Adriana quanto de seu pai, os empresários confiam em suas experiências profissionais: Adriana é especializada em Direito Tributário e, atuando na área, entendeu que tinha facilidade em enfrentar desafios e descobriu uma tendência para o lado comercial. “Foi durante essa jornada empresarial que obtive o amadurecimento profissional que vislumbro necessário para meu próprio negócio”, afirma. A advogada gerenciava e delegava tarefas a uma equipe de funcionários. “Precisei assumir responsabilidades em nome do todo e resolver demandas que nem sempre eram das minhas atividades diárias. Pude acompanhar reuniões de plano de negócios e planejamento estratégico, o que me possibilitou um conhecimento enorme sobre a parte gerencial de uma empresa”. Já Luiz, seu pai, formado em Administração de Empresas, possui 46 anos de experiência em empresas de médio e grande porte nas áreas contábil, financeira e de planejamento. Com tanta experiência acumulada, o negócio tem tudo para dar certo.

Durante a fase de instalação da unidade Adriana ainda advogava, mas em outubro deste ano ela deixou o Direito para assumir inteiramente a gestão da loja. “Nesse tempo, meu pai ficou à frente de toda instalação física, acompanhamento de obra, compra de materiais e mobiliário. Como sua aposentadoria tinha saído no começo do ano, ele conseguiu ter foco apenas no nosso empreendimento”.

Comodidade na vida moderna

O grande diferencial da SUAV é seu atendimento sem hora marcada: em muitas situações, a rotina cada vez mais corrida não dá margem para “abrirmos” uma horinha na agenda. “Enquanto eu trabalhava como coordenadora tributária não conseguia agendar horários no salão devido às reuniões urgentes que aconteciam e que não estavam previstas na minha agenda. Por conta desse cotidiano atribulado, a possibilidade de atendimento express é um grande atrativo”, explica a empresária.

Para ela, a grande dificuldade em se ter o próprio negócio está na gestão do empreendimento, não bastando, apenas, ter boas intenções.  “É necessário saber gerenciar a equipe de funcionários, o fluxo de caixa, acompanhamento de estoque, ter um contato contínuo com a contabilidade e manter um bom relacionamento com os fornecedores”. Adriana também está atenta a fidelização da clientela, ponto que não passou batido. No entanto, foi justamente por conta dessa preocupação ela optou pelo franchising: modelo que oferece treinamento do quadro de funcionários e um serviço de qualidade. “Minha certeza é que todo esforço e investimento tanto profissional quanto pessoal investidos será retornado. Não me vejo distante da operação dessa unidade, nem de outras que pretendo abrir”, garante Adriana.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de beleza , Suav