Na contramão da crise, mercado pet ganha espaço até nos serviços de customização de roupas

Publicado em 09/08/2017 por Imprensa

Novos hábitos de consumo dos donos fazem com que empresas apostem em serviços personalizados para os animais de estimação

Segundo país do mundo com mais animais de estimação, com 132 milhões de bichinhos, o Brasil não vê a crise econômica afetar o mercado pet: somente no ano passado, foram movimentados R$ 18,6 milhões, um crescimento de 4,9% em relação a 2015, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet).

Dê olho no crescimento do setor, a Arranjos Express - marca portuguesa de costura e transformação de roupas - começou a apostar também em serviços para os pets. “Foram os próprios clientes que pediram para que a gente passasse a customizar peças, sobretudo, para cães e gatos. Hoje, todas as nossas 73 lojas já oferecem esse serviço”, conta o diretor comercial da empresa, Paulo Alexandre.

O executivo explica que diversos acessórios e roupinhas podem ser feitos a partir de peças dos próprios donos - como uma camisa social em desuso, que pode ser transformada em uma caminha. “Além disso, muitos clientes combinam estampas e aderem à moda ‘tal pai, tal filho’, só que com os animais de estimação”, brinca Paulo.

Impulsionada também pelos hábitos de consumo dos donos de animais, a Arranjos Express pretende atingir a marca de 130 franquias ainda em 2017, todas localizadas no mall de shopping centers e com costureiras extremamente treinadas para customizar e consertar roupas em um curto espaço de tempo.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquia , Franquias de serviços , Arranjos Express