Minha Costureira, Meu Sapateiro se prepara para expansão nacional

Publicado em 03/04/2017 por Imprensa

No lugar de comprar novos produtos e dispensar itens de alto valor agregado – seja financeiro ou sentimental -, cresce mais a cada dia o número de pessoas que decidem por restaurar e renovar roupas, sapatos, bolsas e malas. Por essa nova tendência do varejo, redes que oferecem estas reformas e consertos se tornam potenciais negócios para os empreendedores que buscam opções rentáveis no segmento de serviços. A marca Minha Costureira, Meu Sapateiro surge no franchising como resultado do know how de dois empresários que se uniram para transformar a empresa em uma forte rede de franquias nacional. 

Com a parceria dos empreendedores Fábio Cesar Di Mauro, consultor de franquias e filho dos empresários que trouxeram a marca Heel Sew Quik, batizada como Sapataria do Futuro para o Brasil, em 1994, e Tadeu Gonçalves, criador da marca Minha Costureira, Meu Sapateiro e filho do franqueado que levou a Heel Sew Quik para a cidade de Salvador, na Bahia, a marca apresenta alta qualidade nos serviços oferecidos, suporte de excelência aos franqueados e experiência dos sócios de mais de 20 anos de presença nesse mercado. “O mercado de limpeza e conservação sempre esteve em alta, mas neste momento em especial, por causa da crise financeira, as pessoas estão comprando menos e conservando melhor seus pertences. Nossa proposta é incentivar os consumidores a prolongarem mais o uso dos seus calçados e roupas, o que é mais sustentável e econômico, do que se fossem comprar os mesmos itens novos.”, diz Di Mauro.

Atualmente, a Minha Costureira, Meu Sapateiro conta com seis unidades próprias, quatro em São Paulo e duas na Bahia, que se destacam no setor por oferecer aos clientes a oportunidade de retirarem as peças no mesmo dia e, para os que não têm tempo de esperar, há a opção de delivery. Para maior comodidade dos consumidores, o mix de produtos das lojas é distribuído em cinco categorias que ajudam na conservação e higienização das peças: protetores, acessórios, renovadores, palmilhas e cuidados. Como gentileza nunca é demais, os clientes podem se beneficiar com alguns serviços gratuitos como furar cintos e costurar botão em camisa. 

Com o plano de expansão definido para toda a região Sudeste, a marca pretende chegar a 11 unidades até o final do ano.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de serviços, Minha Costureira, Meu Sapateiro