Estúdio Anacã quer expandir no Sudeste para atender 90 mil interessados mensalmente

Publicado em 01/09/2016 por Imprensa

Atualmente a rede recebe cerca de 96 mil contatos de pessoas que querem conhecer algumas das 30 modalidades oferecidas pelo Estúdio.

Mudar a vida das pessoas através da dança. É isso o que busca o Estúdio Anacã, primeiro estúdio com foco em dança a ofertar um plano Free Pass, onde o aluno paga uma mensalidade e tem acesso irrestrito a quaisquer uma das 30 modalidades ensinadas, em qualquer um dos horários disponíveis. Atualmente a rede recebe cerca de 95 mil contatos mensais de pessoas interessadas nas aulas não só em São Paulo, onde já possuem duas unidades, como também nos estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo.


E é justamente para atender essa grande demanda que a rede da empresária Ana Maria Diniz, em sociedade com a bailarina profissional, Helô Gouvea e com o executivo Leandro Sampaulo, está em busca de empreendedores que queiram expandir seu conceito através do franchising nas principais capitais e cidades da região Sudeste do Brasil. “Somos comprometidos em transmitir caminhos de bem-estar e qualidade de vida por meio do movimento e para ampliarmos sem perder essa essência, vamos avaliar os possíveis franqueados, que devem ter um perfil parecido com o do estúdio, e também a localização das próximas unidades”, explica Ana Maria Diniz. 


O valor previsto para investimento em uma unidade do Estúdio Anacã é de R$ 1,1 milhões. O tempo de retorno é de aproximadamente quatro anos.


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias, Franquias de esporte , Franquias de entretenimento, Estúdio Anacã