Eles são jovens, proativos e carregam imensa força de vontade para correr atrás dos objetivos

Publicado em 26/10/2015 por Imprensa

Geração Y compõe fortemente setor de franquias. SMS Digital aposta no público; atualmente 65% dos franqueados são jovens

Grande parte da geração Y, jovens nascidos no fim da década de 1970 e a metade de 1990, está ingressando no universo empreendedor. A nova realidade expõe o desejo desse grupo em ser dono do próprio negócio. De acordo com uma pesquisa divulgada pelo Data Popular, em 2013 havia cerca de 1,5 milhão de jovens empreendedores no Brasil com idade entre 16 e 24 anos. Apresentando grandes saldos em relação ao assunto, a pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), divulgada no ano passado com dados também de 2013, confirmou que, das empresas abertas com até três anos de atividade no Brasil, 50% eram de jovens entre 18 e 34 anos.


Kawel Lotti é diretor executivo da SMS Digital, franquia voltada para consultoria e comunicação via SMS. De acordo com ele, empresários, principalmente no que se refere ao setor de franchising, tem visualizado no nicho grandes oportunidades. “Os mais jovens apostam em algo mais dinâmico, por serem mais ativos, buscam oportunidades que dependam de suas ações para o crescimento, e enxergaram em negócios como a SMS Digital essa chance: ter o seu próprio negócio e conquistar a independência financeira”, relatou.


Lotti analisa o mercado e ressalta que as franquias estão entre as preferências de investimento dessa geração. “Os jovens estão apostando nas franquias porque esta é uma maneira de ter uma empresa com mais segurança, já que as franquias oferecem suporte e valores mais acessíveis de uma estrutura pré-moldada, onde estratégias de marketing e vendas são parte do pacote. O Plano de Negócio, fundamental para qualquer empreendimento, já está testado e aprovado, garantindo ao jovem um início de atividades mais rápido, seguro e eficiente”, explicou.


A marca já possui 150 unidades espalhadas por todo o Brasil, atualmente concentra 65% de investidores jovens que enxergaram na franquia os benefícios descritos acima. “Nosso negócio vem atraindo muito a atenção de investidores por já ser consolidado no mercado. Além disso, nosso produto não tem crise e é de “baixo custo”, nossa atuação é em um segmento de alta rentabilidade, e principalmente, nosso mercado cresce desenfreadamente e com grande índice de aceitação dos produtos e serviços e início imediato no negócio”, contou o diretor.


E logo no começo para dar início as atividades, o franqueado recebe da franquia um notebook Dell (Franquia Home Office), uma pasta executiva e demais materiais para exercer sua atividade.


Muito do sucesso que a rede vem fazendo entre seus colaboradores é por apresentar um negócio de tendência para os próximos anos. Começando pelo tipo de serviço. De acordo com especialistas do Young Entrepreneur Council (YEC), organização americana sem fins lucrativos, o "texting" - mandar uma mensagem de texto, como o SMS, será cada vez mais comum para empresas se comunicarem com seus clientes. E-mails estão sendo cada vez menos usados. Vendas, acordos, avisos: tudo poderá ser resolvido com uma breve e prática mensagem de texto.


Já a outra, é o modelo de negócio que a mesma apresenta! A modalidade no qual a SMS Digital trabalha, Home Office, já é considerado tendência mundial, e no Brasil cresce cada vez mais. É claro que para exercer as atividades nessa modalidade necessita de muita dedicação e força de trabalho por parte do trabalhador, mas os mesmos relatam que os benefícios são muitos. De acordo com o estudo: Global Evolving Workforce (Força de Trabalho em Evolução), patrocinado pela Dell e Intel, dos profissionais que trabalham Home Office, 49% sentem menos estresse, 45% dirigem menos, 33% dormem mais e 52% têm mais tempo para a família.


E segundo Kawel Lotti, diretor executivo da rede, além do franqueado definir seus próprios horários, a maior vantagem é o baixo investimento. “E sem custo fixo operacional também. Isso reduz o período de retorno do investimento e contribui para adesão de empreendedores com menor poder aquisitivo, essa modalidade de negócio gera renda e empregos em ritmo acelerado. Apostamos muito no empreendimento e a cada dia conquistamos mais interessados”, disse


Melhor hora
Entrar no mundo dos negócios logo cedo agrega muitas vantagens. “A geração Y é formada por jovens que apresentam grande desenvoltura, proatividade e força de vontade para correr atrás dos objetivos. A grande maioria não é casada, ainda mora com os pais e não têm muitos compromissos financeiros assumidos. Por conta dessa facilidade, o momento certo para o jovem iniciar seu negócio é até os 30 anos. E na pior das hipóteses, caso não der certo, ele acaba tendo a segurança e tempo para começar em outro emprego, ou fazer outra atividade", concluiu o empresário.


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Investir em franquias, Franquias de serviços, Franquias, Franquias home based , SMS Digital Franchising