Como administrar a imagem da franquia nas redes sociais?

Publicado em 03/04/2015 por Rosana Fernandes

O número de internautas no Brasil já ultrapassou a marca dos 80 milhões de usuários e de acordo com a pesquisa E & M Outlook 2014-2018, daqui a 3 anos a receita gerada a partir dela deve alcançar a marca de 24,4 bilhões de dólares.


Dados como estes só mostram que ninguém mais consegue viver sem internet, não é mesmo? E já que a quantidade dos clientes presentes nela não parará de crescer e com o volume de consumo atual, para as empresas também se tornou indispensável a utilização deste canal para interagir com clientes e alcançar seu público-alvo.


Vantagens de ter sua franquia nas redes sociais
Para franquias, trabalhar sua imagem é um claro sinônimo de lucro, pois quanto mais força a marca tiver, maiores os valores agregados a ela. Nas redes sociais especificamente, é possível se conectar com clientes, entender melhor sobre o mercado e difundir produtos e serviços com muitas facilidades.


Algumas das principais vantagens de estar presente nas redes sociais são:
• A possibilidade de ajudar a fortalecer e posicionar a marca
• Estabelecimento de maior interatividade com os clientes
• Elas permitem gerar melhorias no atendimento
• Ajudam no lançamento de serviços e produtos, entre outras ações
• Contribuem para a conversão de resultados
• São excelentes para lançar produtos / serviços ou promoções


Como fazer para que sua franquia use bem as mídias sociais?
No universo das franquias, muitas já reconhecem estes benefícios e entenderam esta necessidade, por isto, estão investindo no aprimoramento da comunicação e do marketing na internet, especialmente nas redes sociais, local onde os internautas passam a maior parte do tempo.


Apesar desta compreensão, para que elas tenham sucesso nesta área, é preciso seguir algumas recomendações para se posicionar adequadamente, pois a ausência de cuidados fundamentais como a uniformidade estratégica pode causar prejuízos indesejados à imagem.


Para conseguir usar a imagem da rede corretamente, é necessário que o franqueador cuide diretamente das regas e direcione as boas práticas recomendadas, antes de estimular a criação de diversos perfis de cada uma das lojas franqueadas.


Primeiramente, o franqueador precisa decidir se é melhor para sua marca possuir um único perfil oficial nas redes sociais que pode ser alimentado com conteúdos exclusivamente criados por ele ou de modo colaborativo com informações encaminhadas por toda a rede.


Outro caminho também possível, é autorizar a criação de diversos perfis, de acordo com o interesse e disponibilidade dos franqueados. Neste caso, o ideal é possuir diretrizes orientadoras que indiquem informações sobre formas permitidas de uso da imagem, linguagem e formas de comunicação mais apropriadas para construção de posts. 


Criar uma espécie de manual básico de utilização e permanecer desenvolvendo estudos técnicos e estratégicos sobre o perfil do público e o desenvolvimento da marca na internet para assim fazer com que sua estratégia permaneça forte e competitiva é, sem dúvidas, uma das melhores práticas.


No final de tudo, seja qual for o modelo de utilização adotado por sua franquia, será necessário, como franqueador, comandar as ações e direcionamentos e como franqueado, adotar uma postura de conformidade e aproveitar as oportunidades oferecidas pelas mídias sociais.


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias , Marketing para franquias , Gestão de franquias