Com ritmo de crescimento acelerado, PremiaPão salta de 4 a 100 franquias em apenas 6 meses

Publicado em 03/11/2016 por Imprensa

Franquia barata comercializa propaganda em saco de pão com diferenciais atrativos para o mercado

Apesar de o Brasil ainda vivenciar uma instabilidade em sua economia, alguns nichos ganham evidência por apresentar um bom desempenho diante da atual conjuntura. O franchising, por exemplo, representa muito bem esse contexto. De acordo com a ABF – Associação Brasileira de Franchising, o setor segue em pleno desenvolvimento. Como mostra a pesquisa elaborada pela associação, só no segundo trimestre de 2016, o ramo de franquias manteve o ritmo e cresceu 8,1%. Gerando um movimento de R$35,180 bilhões no faturamento.


A PremiaPão (rede de franquias especializada em propaganda em saco de pão) é uma empresa que acompanhou o bom momento do setor e conquistou um progresso muito acentuado em pouco tempo. Em atividade desde 2015, nos últimos seis meses, de quatro unidades progrediu para 100. Ultrapassando, e muito, 100% em crescimento.


Raphael Mattos é diretor executivo da marca e, conforme sua análise de negócio, fatores como a crise contribuíram para esse sucesso. “Tivemos um número grande de profissionais desempregados com desejo de empreender e ser seu próprio chefe. E pelo fato de oferecermos uma franquia barata, lucrativa e de fácil gestão, tivemos muita aceitação por esse público que queria investir pouco e em algo que não apresentasse riscos”, explicou.


Percepção que vai de encontro com o levantamento da ABF. Sobre os números que expressam o crescimento do franchising deste ano, a derivação se justifica pelo aumento de custos, a baixa atividade econômica, escassez de crédito que continuam a impactar o setor, o interesse de profissionais egressos do mercado de trabalho por empreender por meio do franchising, entre outros.


Modelo sedutor


Mas é claro, que o modelo de negócio influencia na hora de fechar um contrato. No caso da PremiaPão, a proposta convence. Isso porque a rede apresenta um valor de investimento muito acessível, de R$ 6 mil a R$10 mil (de acordo com o número de habitantes), prazo de retorno de um a dois meses, e uma rentabilidade de até R$6 mil ao mês.


Além disso, a franquia barata, conta com uma gestão jovem e inovadora. “Somos muito transparentes em nossa comunicação e estamos investindo sempre em conteúdo para posicionar cada vez mais a nossa marca no topo, o que reflete também no desenvolvimento do nosso franqueado”, falou Mattos.


As estratégias adotadas pela franqueadora, também trouxeram uma seleta parte do grupo de novos investidores. “Nossa expansão acontece de forma diferente. O contato com os candidatos é todo online - aderimos à estratégia do marketing digital e isso nos deu uma agilidade e escalabilidade muito grande. Ao mesmo tempo, focamos sempre em melhorar toda e qualquer experiência que o candidato venha a ter quando entra em contato com PremiaPão. Nosso site, redes sociais, vídeos do Youtube, e o atendimento por telefone direto com a diretoria, proporciona ao interessado uma segurança muito grande de que está lidando com uma empresa séria, jovem, agressiva e de muito potencial”, explicou o diretor.


Expansão - Espirito empreendedor e disponibilidade de horário são os critérios


E com esses valores a rede pretende seguir firme seu plano de expansão para todo o Brasil. Atualmente a marca conta com 103 unidades em operação em estados brasileiros, incluindo Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo, Santa Catarina, Minas Gerais e Distrito Federal. “Nós apostamos em todo tipo de público. Os únicos pré-requisitos são: espirito empreendedor e disponibilidade de horário. E pra isso, não existe idade, gênero ou classe social”, falou o empreendedor.


Para o executivo, o setor de marketing tem potencial de crescimento muito acentuado, já que é a propaganda a responsável por dissipar as marcas e garantir grande parte do seu sucesso. “E quando é apresentado ao anunciante o custo-benefício da nossa mídia, a aderência é muito provável. A comparação que mais gostamos de fazer é com panfletos (o meio de divulgação mais conhecidos para pequenos negócios). Quanto se trata de panfletagem, o anunciante paga pela arte, produção e distribuição. No nosso caso, ele financia apenas a produção e de forma rateada, otimizando ainda mais os custos. A taxa de dispersão dos panfletos também são muito elevados e os entregadores são conhecidos por passar mais de um panfleto por pessoa. Além disso, poluem as ruas”, finalizou.


Após encerrar 2015 com faturamento de R$ 20 mil, a rede de franquias que faz propaganda em saco de pão, espera encerrar este ano, com rendimento de R$ 1,5 milhão. Além disso, a expectativa da companhia é de comercializar 120 unidades da franquia barata até o final de 2016. Já 2017, a perspectiva é de 350.


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de serviços , Franquias , PremiaPão