Com negócio diferenciado, modelo Express permite que cliente monte sua própria pizza

Publicado em 09/08/2018 por Imprensa

No formato de negócio oferecido pela Fórmula Pizzaria é possível que o cliente monte a sua própria pizza com tamanhos menores que nas demais unidades

A escolha da localização de um empreendimento é um dos fatores que mais impactam o sucesso ou não do negócio. E no segmento de alimentação não é diferente, já que é necessário instalar o negócio em lugares com boa circulação de pessoas.

Henrique Mol, presidente da Fórmula Pizzaria, conta que parece um desafio fácil, mas não é. É necessário fazer um trabalho de análise do lugar, planejamento e principalmente verificar se o modelo de negócio é o ideal para o lugar escolhido.

Lugares de grande movimentação como shoppings centers, aeroporto e supermercados tem sido uma grande aposta para quem busca investir em pizzarias.

Os supermercados, por exemplo, são um gerador de fluxo de pessoas normalmente alto, com valores menores comparados aos shoppings. Já os aeroportos possuem alto fluxo de pessoas, com capacidade de horário estendido, alto potencial de compras para o setor alimentício, tendo em vista até que as companhias aéreas não estarem, na grande maioria, oferecendo lanches a bordo. E shoppings centers contam com alto fluxo de pessoas, com foco principal no entretenimento, e para quem busca uma alimentação fora de casa, a pizza é a queridinha dos brasileiros, sendo que na praça de alimentação desse local possui destaque nas vendas.

Expansão dos negócios

Recentemente a Fórmula Pizzaria criou o modelo de negócio Express exatamente para atender esse perfil de local. A rede conta atualmente com uma unidade neste perfil instalada no Supermercado Extra em Belo Horizonte (MG). “Foi exatamente neste lugar que iniciamos a operação própria para o modelo Express, onde testamos para lançar como nova modalidade e vem agradando muito bem o público, já que investidores tem se mostrado interessados com esse modelo de negócio”, explica Mol. Seguindo este perfil, a Fórmula Pizzaria está em processo de negociação para shoppings centers de São Paulo (SP).

A franquia projeta alcançar até o final de 2019, 15 novas lojas neste formato e aumento do faturamento de 15%, somente no modelo Express. Para isso, o processo de captação de novos franqueados será a participação ativa em feiras de empreendedorismo; uso de Marketing Digital; sites especializados e workshops.

Pegue e monte você mesmo!

O formato Express tem como grande diferencial, entre os demais modelos da franquia, a opção do próprio cliente montar a sua pizza. Neste formato de operação também é comercializado cardápio com uma média de sete sabores diferentes, com tamanho menores (entre 20 a 25 cm), em comparação com as pizzas consumidas em lojas de rua.

Para investir nesse modelo de negócio o franqueado terá que desembolsar R$290 mil (incluso taxa de franquia + taxa de instalação + capital de giro), com faturamento (bruto) mensal de R$80 mil e lucro líquido de 20% sobre o faturamento, após a maturação do negócio.

Para a loja é necessário metragem média de 40m², esse modelo é focado para ser instalado em locais com grande fluxo de pessoas, tais como: praças de alimentação em shoppings, aeroportos, hipermercados, supermercados e órgãos públicos. Possui estrutura compacta e necessidade entre 6 a 7 funcionários.

“A baixa metragem da operação e quantidade de funcionários necessários está atrelada ao suporte da franqueadora, principalmente da Cozinha Central, que é responsável pelo processamento dos insumos necessários na unidade para a produção das pizzas e calzones, exceto o hortifrúti, o que faz com que a operação seja mais enxuta em metragem da loja, equipamentos e dependência de funcionários”, explica o diretor executivo.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de pizzarias , Fórmula Pizzaria