Acqio prevê 50 novos contratos durante a ABF Expo Franchising 2017

Publicado em 22/06/2017 por Imprensa

Rede de pagamentos eletrônicos conta com modelo de negócio acessível e promissor

Com expectativas de crescimento, a Acqio Franchising, participa entre os dias 21 e 24 de junho, da ABF Expo Franchising 2017, que acontece em São Paulo. Além de contar com prospecção nata do franchising - que cresce anualmente independente da situação econômica - a marca aposta suas fichas no modelo de negócio micro que é bem acessível, e nas mais recentes novidades implantadas. 

No que diz respeito ao franchising, os números comprovam esse desenvolvimento. Segundo a ABF – Associação Brasileira de Franchising, no primeiro trimestre deste ano, a receita do setor cresceu 9,4% em comparação ao mesmo período do ano passado. O faturamento passou de R$ 33,710 bilhões para R$ 36,890 bilhões. 

No que se refere à marca, Kawel Lotti, CEO da Acqio Franchising, revela que confia na modalidade de negócio para conquistar o público. Segundo ele, a espera é de agregar 50 novas unidades, com a franquia que exige um investimento inicial de R$6.490. Como resultado final, tem a expectativa de gerar R$450 mil em volume de vendas. 

Vantagens de ser um franqueado Acqio Franchising

E o que faz esse franqueado? Após a imersão deste na rede, ele passará a promover a venda das maquinetas ao mercado PME (Pequenas e Médias Empresas) – público alvo da Acqio. Os trabalhos administrativos são realizados home office, portanto, ele precisará de bem pouco para dar início ao negócio: apenas de um computador, internet, telefone e força de vontade. “Muitos se sentem satisfeitos por não precisar gastar grandes investimentos com um espaço físico, o que resulta em economia”, falou Kawel. 

Já no início, o franqueado recebe treinamento inicial onde tem todas as orientações e o know how sobre o negócio. Posteriormente, recebe suporte permanente que conta com o apoio de marketing, suporte jurídico, suporte comercial e manuais de operação e marketing. Outro diferencial é o treinamento operacional, comercial e de gestão periódicos, realizados pelo Franqueado de Desenvolvimento de Área (atual sigla para o termo máster-franqueado), além de orientações diárias de vendas via e-mail e SMS.

Além disso, as vantagens oferecidas ao comerciante final difere a Acqio da concorrência, o que reflete na venda incessante ao franqueado. Entre as particularidades estão: isenção de taxa de adesão e aluguel da “maquineta”; Disponível para pessoas físicas e jurídicas; Aceita cartão de crédito e débito em qualquer lugar; Com os POS e Mini POS a empresa pode vender à vista ou parcelado em até 12 vezes no cartão; recebimento automático em até 4 dias úteis; Acompanhamento das vendas em tempo real através do portal e Venda presencial e consultiva.

E mesmo com foco mais acentuado na expansão em cidades do interior, a Acqio pretende conquistar investidores de todo o Brasil, fato que será facilitado com a feira que reúne público de todos os lugares. “Participamos ano passado, e notamos essa mistura de pessoas vindas de diversas regiões para conhecer o que o franchising pode oferecer a elas. Já nos preparamos para atender a demanda e estamos muito otimistas”, finalizou o presidente.

O poder dos pequenos centros

A Acqio visualiza que esse nicho possui um grande potencial, mas que é pouco explorado, e os pequenos centros possuem aos montes grupos de profissionais autônomos, liberais e PME. As maquininhas foram desenvolvidas pensando justamente no pequeno comerciante que precisa viabilizar as vendas por meio do pagamento de cartões, porém tem menor poder aquisitivo (por isso as maquinetas são vendidas e não alugadas - a partir de R$718 - e divididas em até 12 vezes). A marca não só leva a modernidade a esses locais, como também, permite que o comerciante tenha o real recebimento da compra e de forma bem segura. 

Planos a longo prazo

O modelo de negócio da Acqio, apesar de “pouco tempo no mercado” (lançado em 2015), vem fazendo sucesso e garantindo bons números, até o momento já são mais de 540 franqueados. Para 2017 a meta é crescer 30% em faturamento e conquistar mil unidades.

Aperfeiçoamento

A principal ferramenta de trabalho, as maquininhas de cartão (que são vendidas pela rede), está sempre sobre o olhar clínico de profissionais especializados, contratados para aperfeiçoá-las conforme a demanda e modernização do mercado. Mais recentemente, a Acqio agregou novas bandeiras: Elo e a Hipercard. “Avanço que contribuirá muito para o desenvolvimento de toda a rede”, falou Kawel Lotti, CEO da franqueadora. 

De acordo com o executivo, antes o cliente tinha alternativa de usar apenas cartões das bandeiras MasterCard e Visa. Futuramente a pretensão é de oferecer ainda mais opções, deixando o consumidor à vontade com o leque oferecido e o comerciante satisfeito pela venda realizada.

Hoje a rede conta com três quatro de maquinetas, cada qual com suas características, mas todas com perfis inovadores e com a vantagem de obter um preço bem acessível. A partir de R$718 o comerciante pode possuir uma, que é vendida e não alugada. Já as taxas, Kawel garante ser muito competitivas no mercado. 

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquia, Franquias de serviços, ABF Expo, Acqio Franchising